segunda-feira, 31 de agosto de 2015

Aventura eletrificante...

Vimos o cartaz que anunciava a festa eletrificante e praticamente em cima do acontecimento decidimos ir.  Percebendo que haveria uma apresentação alusiva ao tema lá fomos nós como voyeures.

Tocámos à porta e  a menina simpática que normalmente costuma estar no bar recebeu-nos, levantámos o nosso cartão e fomos até à sala.

A sala não estava cheia, isto porque estamos em julho e há muita gente de férias...

Demos dois dedos de conversa com duas ou três pessoas, e aproveitámos para conversar, provocar, namorar, observar e esperar pelo anunciado show dos choquinhos elétricos.

Percebemos que algo se começara a passar numa salinha ao lado, como vimos o pano que estava à porta corrido decidimos não avançar pois poderia ser um momento privado... uns gemidos vindos desse espaço chamaram à atenção dos poucos que estavam na zona do bar... assim que percebemos que poderíamos entrar na salinha não perdemos tempo e fomos para lá.

Assim que entrámos, nós e os outros curiosos vimos uma rapariga presa a uma cadeira com papel  celofane, os mamilos com fios que ligavam a uma máquina eletrificante que estava na posse de um rapaz e o companheiro a brincar com um vibrador no seu clitóris.

Para terem uma ideia da máquina eletrificante aqui está uma parecida!












A rapariga estava completamente nas nuvens, sabemos que aquele vibrador é potente mas percebemos que os mamilos também estavam a ser bem estimulados com os volts da máquina. Pois, por vezes soltava um "aiiiiii" prazerosos e o vibrador estava paradinho. Assim que a rapariga chega ao orgasmo e antes que a sala começasse a ficar vazia chega o XY e diz inesperadamente: "E agora é a Maria, mas de uma maneira diferente" (1ª surpresa da noite).

Maria: WHAT?????? Nem consegui ter reação!! Quase que hipnotizada levantei-me logo e sem reclamar, comecei a tirar a camisa e depois de estar com as mãos amarradas ainda tirararam-me os calções e só sei que de sentada praticamente num lugar de destaque passei a ser o centro das atenções mas numa outra posição também de destaque.



















(Embora não fosse bem assim, a posição era parecida com esta)

 E depois de amarrada,  o XY foi buscar uma mola que a prendeu algures na cona da Maria (e aqui vem a segunda surpresa da noite - não dói nada!) a seguir veio a 3ª supresa da noite, aquela que eu tinha dito ao José no inicio da noite : "ver tudo bem, fazer nunca na vida!... há pessoas muito corajosas" - o aparelho dos choques elétricos fora colocado nos mamilos da Maria (e o vibrador com um novo preservativo colocado há disposição).

E a festa começou e os gemidos da Maria inundaram todo o clube, para não falar do seu orgasmo...

O rapaz da máquina programara a potência do aparelho elétrico - começou a aquecer e levou até ao 15 - mas acho que durante a minha excitação ainda se atreveu a aumentar um pouco mais... é uma sensação indescritível (para o bom) aquele aparelho inicialmente assustador excitou bastante os meus mamilos - zona bastante sensível nesse sentido. 

O José passado um bocado começou a brincar com o vibrador, ora aumentando ora diminuindo a potência... e ele bem sabe que eu adoro aquele tipo de vibradores e aquele então é de cortar a respiração... 

O XY ao perceber o grau de excitação da Maria colocou-se atrás dela e enfiou-lhe um dedo na cona e masturbou-a... demais!! 3 homens de volta de mim, não sei quantos olhos curiosos a verem e os meus sons a aumentarem aumentarem aumentaremm até que expludo de prazer... e assim que chego ao orgasmo fico em suspensão, pois a excitação fez-me levantar a perna que estava apoiada no chão.

Foi uma noite fantástica... naquele espaço sinto-me bem e bem rodeada... a curiosidade aumenta e a excitação apodera-se de mim... gosto muiiiiito de ver, mas também gosto muiiiiito de ser vista... foi a segunda vez que me expus naquele espaço e tenho a dizer que ambas foram indescritíveis, pois superaram todas as minhas expetativas...  Aparentemente pareço doida deixar-me levar por choques elétricos - mas é melhor não falarem do que não sabem!! Nada dói - confesso que até sou um pouco piegas no que toca à dor e só me causou excitação, uma excitação indescritível mas muiiiiiito boa... 

José:

Antes de qualquer noite começar, principalmente ali, desespero um bocadinho com a Maria que começa SEMPRE por dizer "Fazer isso? Nunca na vida!" Mas opto por ir ficando calado e deixo-a falar.
Mesmo assim, estar ali a ver um show e de repente ver a Maria ser levantada e em segundos ficar com as lindas mamas à mostra é fantástico. Claro que eu deixei-me ficar sentado onde estava, caladinho a ver até onde aquilo tudo ia parar... Estava a adorar ver a menina "Fazer isso? Nunca na vida" deixar-se amarrar e principalmente quando lhe prenderam a máquina nos mamilos... Aí, claro que fui dar uma ajuda a prender o equipamento... a Maria tem uns mamilos grandes e não é qualquer coisa que lá cola... mas o dono da máquina logo arranjou uma solução, com uma fita vermelha tipo papel celofane prendemos a máquina à Maria...
Entretanto fui sempre estando atento pois queria saber como funcionava a máquina... informação e conhecimento nunca é demais.

Quando achei que a Maria já estava bem quente... aproveitei para começar a brincar com o vibrador nela... sabia que ela não se ia aguentar muito tempo assim que o ligasse... Ela adora aquele brinquedo...

Bem... tudo o resto já foi dito... mas... ainda faltou a 4ª surpresa (esta para mim) a Maria deixou que a "arrefece-se" depois do orgasmo com gelo!?!?!? Nunca na vida (já me tinha dito ela várias vezes sempre que se falava em usar gelo).


3 comentários:

  1. Excitação ao rubro... belo momento sim senhora! ;9
    Bjs

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Este comentário foi removido por um administrador do blogue.

      Eliminar
  2. Olá!
    Vénus: a curiosidade por vezes fala mais alto e eu deixo-me levar facilmente com frequência mas... não me estou mesmo a ver nesses preparos! Lol
    Pepe: sim, os mamilos da Maria.. Estou a ver..! :P

    Beijaços
    Vénus e Pepe

    ResponderEliminar